Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/03/14 às 21h37 - Atualizado em 25/03/14 às 22h04

Brasília Sem Fronteiras deve incluir a França

GDF procura viabilizar a entrada do país europeu no Programa ainda este ano

FotoBSFFranca





















BRASÍLIA (25/3/14) – A França deverá ser incluída, ainda neste ano, no programa “Brasília Sem Fronteiras” (BSF), que beneficia alunos dos Centros Interescolares de Línguas (CILs), da rede pública de ensino, com a oportunidade de intercâmbio no exterior, em países como Estados Unidos, Áustria, Espanha, França, Nova Zelândia ou Holanda.
 
O assunto será discutido de 28 a 31 deste mês, durante encontro, em Paris, entre o secretário-chefe da Assessoria Internacional do GDF, Odilon Frazão, e o embaixador do Brasil na capital francesa, José Maurício Bustani, que também examinarão o estabelecimento de parceria estratégica entre Brasília e Paris.
 
O GDF, por meio do BSF, deverá enviar o mínimo de 50 estudantes de francês dos CILs para programas de imersão internacional na França. Nesse contexto, Odilon Frazão deve realizar visita prospectiva ao Centro Cavillam (cidade de Vichy, a 316 quilômetros de Paris), no sábado (29). O compromisso, agendado com o apoio da Embaixada da França no Brasil, será com o diretor-geral da escola, Michel Boiron.

BRASÍLIA-PARIS – No domingo (30), o secretário receberá a delegação oficial do GDF, chefiada pelo governador Agnelo Queiroz, que visitará Paris para participar da cerimônia de inauguração do voo direto entre as capitais do Brasil e da França. Agnelo e Odilon encontrarão, no dia 31, os presidentes da Air France, Frédéric Gagey, e do Grupo Air France/KLM, Alexandre de Juniac, bem como o embaixador José Maurício, entre outras autoridades dos dois países.
 
Nesse mesmo dia todos embarcarão juntos, às 13h30, para o voo inaugural. O pouso está previsto para as 19h40 no Aeroporto Internacional de Brasília Juscelino Kubitschek. No dia 1º de abril será realizada uma comemoração desse voo na Embaixada da França.
Em 2011, o governador Agnelo deu início à política pública para relações exteriores, centrada na visão de transformar Brasília em um centro captador de grandes eventos internacionais, investimentos e oportunidades. Para tanto, estabeleceu, a partir de 2012, plano de ação integrado com o governo federal, Legislativo, setor privado e o Aeroporto Internacional de Brasília a fim de atrair voos diretos internacionais.

BRASÍLIA GLOBAL PARTNERS – O GDF, por meio de sua Assessoria Internacional, estabeleceu o programa “Brasília Global Partners” para fazer alianças com importantes capitais do mundo. A iniciativa visa reforçar o posicionamento global de Brasília e trocar boas práticas públicas, sobretudo nas áreas de planejamento urbano, habitação, transporte, sustentabilidade, educação, cultura, turismo e atração de investimentos. Mais de 20 capitais ao redor do mundo integram essa rede.

Escritório de Assuntos Internacionais - Governo do Distrito Federal

EAI-DF

Anexo do Palácio do Buriti, 2º andar,
Sala 211 - CEP: 70075-900
Telefone: (61) 3961-4685
escritorio.internacional@buriti.df.gov.br