Governo do Distrito Federal
24/03/22 às 14h45 - Atualizado em 24/03/22 às 15h26

GDF se reúne com o Instituto Ilumina para discutir sobre o Festival Iberoamericano de Artes Integradas de Brasília

COMPARTILHAR

 

O Subchefe do Escritório de Assuntos Internacionais do Governo do Distrito Federal (EAI/GDF), Emiliano Abreu, se reuniu nesta quinta-feira (24) com o Presidente do Instituto Ilumina, Christofer Barea, para falar sobre o Festival Iberoamericano de Artes Integradas de Brasília que o instituto realizará em junho de 2022. A reunião também contou com a presença da Diretora Artística e Produtora Executiva do evento, Letícia Coralina. A Direção Geral do festival é de Guilherme Almeida.

 

O festival estima 25.000 pessoas em circulação durante sete dias de evento, entre espectadores, cinéfilos, estudantes, pesquisadores, críticos, convidados nacionais e internacionais, técnicos, jornalistas e diplomatas, além do público em geral. 

 

O festival irá ocorrer simultaneamente em vários aparelhos culturais da capital, como o Cine Brasília, o Espaço Cultural Renato Russo e o Setor Comercial Sul, além da própria sede do Instituto Ilumina, no núcleo Rural Córrego do Palha.

 

O Subchefe do EAI, Emiliano Abreu, falou sobre o intercâmbio cultural presente em Brasília junto à comunidade internacional. “O contato da comunidade internacional com Brasília se dá por várias frentes, inclusive a cultural. Essa oportunidade de intercâmbio em múltiplos locais e com formatos variados deve nortear o trabalho das pessoas que atendem diretamente a comunidade.“, afirmou.

 

O Presidente do Instituto Ilumina, Christofer Barea, ressaltou que “o objetivo principal do festival é integrar diversas artes, fomentar esse intercâmbio cultural e trazer para Brasília um caldeirão cultural ibero-americano. Trazer espetáculos e atrações artísticas do eixo ibero-americano de forma que a gente consiga fazer essa integração de maneira mais potente e criar pontes para que esse festival deixe uma marca permanente na cidade”.

 

A Diretora Artística e Produtora Executiva do evento, Letícia Coralina falou sobre a proposta da ação em áreas descentralizadas de Brasília. “A gente propõe essas ações em áreas descentralizadas visando levar essa arte para as periferias e fazer esse intercâmbio entre essas partes que dificilmente têm um contato maior com a cultura internacional.”

 

 

O projeto, que tem incentivo do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal através da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (SECEC), nasce como uma importante vitrine para a temática ibero-americana no cinema, na música e nas artes visuais e cênicas.

Escritório de Assuntos Internacionais - Governo do Distrito Federal

EAI-DF

Anexo do Palácio do Buriti, 2º andar,
Sala 211 - CEP: 70075-900
Telefone: (61) 3961-4685
escritorio.internacional@buriti.df.gov.br